Cabelos grisalhos Canície Capilar Precoce/Menopausa

Libertação!!!

Meu primeiro fio de cabelo branco surgiu aos 12 anos(canície capilar precoce) e com ele a tricotilomania(impulso irreprimível de arrancar o próprio cabelo) com ritual de escolha de “fios específicos pela textura” e por mais que os amigos ou família tentassem impedir o ato eu sempre conseguia me livrar antes do tortuoso fio branco eleito rsrs.

Aos 25 anos com mais de 50% de brancos (ainda que misturados ao loiro da genética) me tornei escrava da tinta!

A cor grisalha é natural do envelhecimento cronológico, mas a canície precoce pode estar associada a uma série de fatores, tais como histórico familiar e ambiental, estado nutricional, estresse oxidativo, tabagismo, consumo de álcool, dieta, atopia, obesidade e doenças sistêmicas como osteopenia e hipotireoidismo. 

Com a Pandemia e mudanças de valores e prioridades que ela me trouxe resolvi assumir meus 98% de brancos e me libertar dos padrões, na contramão da opinião da minha filha, cabelereira de mais de 20 anos, família, amigos e pacientes: 

“Você está com cara de velha”

“Desleixada”

“Não combina com seu estilo”

“Madrinha peraí que vou ali na farmácia agora buscar uma tinta e passar no seu cabelo”

“É muito linda sua netinha” ( enquanto segurava no colo minha sobrinha de coração)

“Senhora, por favor pode ir para a fila de prioridade”( essa foi a melhor pq estava com uma roupa larga e achei que ele pensou que estava grávida e só me toquei que ele me considerou idosa quando parei atrás de um senhor de muleta com a cabeça branquinha!!???Fiquei rindo sozinha de mim mesma…grávida Doutora Ginecologista??!!

Mas por que estou aqui dividindo meu momento com vocês?

Para pedir misericórdia com os comentários (porque tenho espelho em casa rsrs) solidariedade e troca de experiências!

Seguirei com meu propósito e buscarei na cosmetologia, na ciência e na paciência um jeito de lidar com a transição e compartilharei com vocês meus erros e acertos.

Acredito que cada uma de nós tem seu tempo, sua cor e sua dor…mas estamos juntas em busca das melhores escolhas e alternativas!